Hack Meu Município

13/07/2016 13:51

O evento Hack Meu Município, realizado nesse último fim de semana pelo portal Meu Município, contou com 111 inscrições, sendo que, desses inscritos 30 participantes foram selecionados com base nas melhores respostas para a pergunta: “Eu sonho com eleições municipais mais...”.


O objetivo do evento era debater ideias inovadoras e factíveis de como utilizar os dados do portal Meu Município para aproximar o cidadão dessas eleições municipais e auxiliá-lo no processo de escolha sobre o seu candidato. De acordo com Miriam Ascenso, Gerente de Projetos do Meu Município, os protótipos que foram apresentados estavam bem detalhados e estes foram aperfeiçoados com a orientação de mentores especialistas e altamente capacitados, resultando em iniciativas inovadoras e muito bem elaboradas.


“O engajamento dos participantes nos surpreendeu. No primeiro dia, tivemos que pedir para que os participantes deixassem o local do evento para que pudessem fechar o espaço, tamanho foi o envolvimento e interesse de cada grupo”, afirma Miriam.


O Hack Meu Município conseguiu reunir um público multidisciplinar, contaram com presença de engenheiros, designers, ativistas sociais, publicitários e pessoas de backgrounds diferentes, todos reunidos para cocriar e sonhar com a cidade que queremos.


Todos os projetos foram avaliados em dois critérios: criatividade/inovação e interesse público. O grupo vencedor desenhou um jogo que permite ao usuário escolher como ele administraria o orçamento da cidade se fosse prefeito e, depois, avaliar como foi distribuído o orçamento pelo prefeito atual. Dessa forma, o usuário pode comparar suas prioridades com as prioridades estabelecidas pelo atual governante. Além disso, o jogo foi preenchido com ferramentas intuitivas que auxiliam o usuário a entender os termos mais complicados utilizados durante as eleições e também no âmbito financeiro.


“A sociedade ganha uma plataforma que explica de forma fácil, simples e bastante lúdica, qual é o papel do prefeito na organização do orçamento. Segundo a pesquisa do Sonho Brasileiro da Política, 45% dos jovens se aproximariam da política se o processo fosse mais transparente, ou seja, a pesquisa aponta que existe uma disposição do jovem brasileiro em se envolver mais com o processo político e esse jogo vem de encontro a essa demanda”, avalia Miriam.


Agora, a próxima etapa é detalhar ainda mais essa iniciativa para em breve coloca-la no ar! O objetivo é engajar o jovem eleitor brasileiro no processo eleitoral, tornando-o ativo e consciente das funções de um prefeito.


Os ganhadores foram:

 

1º lugar: Equipe Agente Político (Samantha Lopes, Rafael Oliveira, Mariana Prado e Vanessa Santos);

2º lugar: Equipe Ativa Cidadão (Jennifer Evangelista, Ana Laura Pongeluppi, Lucas Ansei e Emanoella Leite);

3º lugar: Equipe Qualitopia (Gabriela Couto, Diana Goldemberg e Ricardo Batista).


“Esse foi um dos melhores Hackathons que já participei” afirmou Emanoella Leite, da equipe Ativa Cidadão.

“Independente do resultado, todos nós saímos ganhando. A nossa cidade também!” declarou Rafael Oliveira, da equipe Agente Político.

 
Todas as notícias